NOVO SITE. CLIQUE SOBRE A FOTO E CONFIRA

LIvraria virtual 'Chesterton Livros'

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Fragmentos do livro Santo Tomás de Aquino: biografia

“A maior parte das modernas filosofias não são filosofias, mas dúvida sobre a possibilidade de haver filosofia.” (p.156)

“... que separa um santo dos homens ordinários é sua disposição habitual de se confundir com os homens ordinários.” (p. 107).

“O Santo é um medicamento, porque ele é um antídoto. Certamente é por isso que o santo é muitas vezes um mártir, ele é confundido com um veneno, porque ele é um antídoto. Ele geralmente será procurado para restaurar a sanidade do mundo, exagerando o que o mundo ignora, que nem sempre é o mesmo elemento em todas as idades. No entanto, cada geração procura o seu santo por instinto, e ele não é o que as pessoas querem, mas sim o que o povo precisa”. (...)”Por isso, é o paradoxo da história, que cada geração é convertida pelo santo que contradiz mais.”

CHESTERTON, G.K. Santo Tomás de Aquino: biografia. Tradução de Carlos Ancêde Nougué. São Paulo: Ltr, 2003

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vídeos

Loading...